Os sinais que o corpo deixa na sua calcinha podem dizer como anda a sua saúde.
Você já deve ter reparado: depois que entrou na adolescência, sua calcinha fica molhada de vez em quando. E isso nem sempre é problema. Essa humidade que vem da vagina pode ser uma simples secreção vaginal. Ela não está relacionada com ser ou não virgem, todas as meninas que já menstruam têm. O problema é quando essa secreção tem cor e cheiro fortes ou vem acompanhada de coceira ou ardência. Aí, ela ganha o nome de corrimento e pode indicar desde um simples desequilíbrio do seu corpo até uma doença sexualmente transmissível mais séria. Saiba como prevenir!

  1. Não deixar a calcinha secar pendurada no box. Lá é quente e húmido, um prato cheio para os fungos;
  2. Evite usar protetor diário de calcinha. Ele abafa a região. Se a secreção vaginal estiver te incomodando, prefira trocar de calcinha;
  3. Não abuse de calças muito apertadas, principalmente em dias de calor. Elas dificultam a ventilação da região vaginal;
  4. Lave a vagina com sabonete apenas uma ou duas vezes ao dia. O excesso de higiene pode desequilibrar a flora vaginal;
  5. Tire o biquíni quando chegar em casa e coloque-o para secar no sol. Aproveite para usar um vestido bem leve e calcinha de algodão;
  6. Use o chuveirinho após o número 2. Uma boa higiene é o básico para se evitar os corrimentos;
  7. Passe a calcinha com ferro. Ajuda a matar alguns microorganismos que podem causar corrimento;
  8. Use camisinha. Só ela previne DSTs, que, entre outras coisas, podem causar corrimento;

Fonte: capricho